gallery/logo
Contando Histórias

Contando Histórias // Palavras Poemas

A nossa mente tem o dom de criar, todos somos criadores de histórias, pois nossas vidas e vivida sobre folhas de um imenso livro de inúmeras cores e formatos onde cada um de nós vivemos nossa história. A mãe natureza nossa inspiração o chão que pisamos são as folhas desse imenso livro cujo nome terra e ainda temos o céu que e a capa desse imenso livro onde cada um de nós vivemos e contamos nossa histórias.


 

Minhas pequenas histórias
gallery/026477efe0ebc1872b009de450acb9e1

Contando

Histórias

gallery/1441757769304_scrapeenet

Por Vingança


Hás vezes perdemos o controle e descarregamos uma serie de palavras ditas cem o devido cuidado de pensar, palavras mal administradas podem ferir podem mudar o rumo de toda uma vida, mudou o da minha e como mudou.

Eu trabalhava em uma empresa a oito anos e alguns meses e sempre procurei fazer meu trabalho com profissionalismo nunca me atrasei, pontual e interativo com os colegas no que se relacionava ao trabalho, meu perfil eu diria que sou um cara tipo normal, tenho trinta e dois anos solteiro moro sozinho, tenho um cachorro meu companheiro dentro de casa.


Formei-me em arquitetura e era funcionário de uma grande firma, era estou desempregado a dois meses, o motivo de perder meu emprego foi a perca do controle.
Sempre estive calmo, sempre tranqüilo mesmo quando contrariado não deixava que o nervosismo se apossasse se de mim, mantinha minhas emoções sabre controle, mais como sempre a uma primeira vez para tudo eu tive minha primeira vez fora de controle e me foi fatal.


Sofri um baque imenso que me desestruturou por completo perdi o controle justamente onde não podia, no meu trabalho e para piora me descontrolei justamente com meu chefe que era um dos donos, paguei caro pelo meu atrevimento.

O motivo que me levou ao descontrole.
Um envolvimento amoroso que começou assim.
Casamento esta palavra não me motivava, não constava em meus planos, ter uma pessoa a meu lado me dando ordens querendo controlar minha vida saber do meu dia e estar presente em todas as minhas noites eu não me imaginava vivendo assim.

Eu pensava assim ate conhecer Cristina ai minha cabeça começou a mudar.
Meus olhos cruzaram com os dela e o sorriso que surge em seus lábios caiu sobre mim como um feitiço que me deixou atraído pela beleza de seu rosto e o encantamento da delicadeza de seus movimentos.
Balancei-me por inteiro só por conta de um simples olhar.

Estivemos prosemos por um bom tempo, tivemos um relacionamento quase perfeito, sim quase, pois a perfeição e relativa de pessoa a pessoa eu achava que ela era perfeita ao ponto de pensar em me casar tela como minha esposa.

Cristina foi uma mulher que encantou meus olhos no momento em que eles a enxergara, depois do primeiro contato o encanto do momento apoderou se de mim não era somente o prazer da conquista era mais, eu estava encantado de verdade.

Eu me senti pela primeira vez em minha vida de aventureiro balançado e envolvido pela beleza de uma mulher.
Eu havia encontrado alguém que pela primeira vez conseguira meche com o sentimento que nunca eu havia experimentado.

Meu coração jamais permaneceu com portas e janelas abertas, sempre mantive as mulheres longe de minha vida porem sempre em minha cama.

Eu enxergava as mulheres como um instrumento que ao tocar com as mãos me sentia envolvido por um forte desejo de usufruir de todos os recursos que um belo corpo feminino e capaz de proporcionar.

Toda criatura feminina ao se dar e só prazer.
Cristina chegou de mansinho um sorriso, alegre e descontraída foi me envolvendo e o que era para ser mais uma conquista se tornou algo serio.

A vida, como e dura e injusta e ao mesmo tempo mais que justa severa e educadora, nos conduz nos envolvendo transformando nossas vidas.

Pela primeira vez eu me via do outro lado de conquistador a conquistado e estava feliz pois me sentia correspondido no amor e tudo em minha vida era alegria.

Cristina parecia estar apaixonada, parecia durante seis meses eu tive a meu lado uma mulher encantadora que se dizia apaixonada e agia como tal.

Estávamos bem um com o outro e passamos o final de semana bem confesso que foi um dos melhores de todo este tempo em que estávamos juntos, nada diferente aconteceu que justificasse o comportamento dela para comigo, mais grandes mudanças estavam para acontecer, seria de maneira cruel e confusa sem a mínima explicação.

Exausto depois de uma longa noite de amor adormeci com a felicidade de todos os momentos vividos nos braços da mulher amada. Eu não sabia não tinha como saber que eu havia me deitado com uma mulher e acordaria ao lado de outra, foi assim que me senti quando acordei e encontrei uma mulher calada com olhar frio sem um pingo de sentimento a não ser o ódio.
Sim foi ódio que encontre no olhar de Cristina ao acordar de meu sono feliz e ansioso para abraçar seu corpo e beija lá na boca..

Ela estava sentada a uma cadeira bem a minha frente olhar duro diria cruel, sobre a cama as poucas peças de roupas que eu tinha guardadas em seu armário. Nervosa apertava as mãos uma contra a outra os olhos cem brilho, frios distantes na seriedade do que se passavam seus pensamentos.

Ainda meio sonolento não conseguir no momento entender o que se passava o que estava acontecendo se era verdade ou uma brincadeira que Cristina estava fazendo comigo.
Sobre a cama minhas roupas era um verdadeiro sinal de que algo errado estava mesmo acontecendo, olhei para ela e a perguntei o que era aquilo e ela simplesmente medisse são tuas roupas quero que as leve contigo.
Eu não estava em tendendo nada do que estava acontecendo quis saber o motivo ela simplesmente falou que o relacionamento não era mais.

Argumentei, estávamos tão bem quando nos deitamos, alias sempre estivemos bem nosso relacionamento foi sempre dentro de um bom entendimento só mesmo esta atitude radical para mudar tudo.
O porquê do rompimento, como gostaria que tudo não passe de um sonho e que ao acordar teria a meu lado a mulher amada, e estaria feliz ao olhar seu belo corpo nu estirado sobre os lençóis.

Eu estava péssimo, não devia ter ido ao trabalho minha cabeça confusa desorientada, ser dispensando já era péssimo sem saber o motivo pior ainda.
Cristina não justificou sua atitude, foi radical ao dizer. Não quero você mais em minha vida estamos quites meu objetivo foi alcançado acabou.

Eu estava péssimo mais mesmo assim não deixei de ir trabalhar por uma bobagem bati boca com o patrão perdi meu emprego, perdi a mulher amada minha felicidade tudo no mesmo dia.

Três meses depois ainda desempregado mais com a cabeça um pouco melhor tive uma surpresa ao encontra abaixo da porta uma carta cujo nome do remetente era Cristina.
A carta dizia assim.
Marcos não devia mais vou lhe dizer o motivo de ter agido assim com você, lembra de uma garota que foi tua namorada a uns dois anos atrais cujo nome Renata era minha irmã, ela se apaixonou perdidamente por você e o que você fez, simplesmente a deixou depois de dar a ela todas as esperança ao ponto dela se entregar a você.
Eu acompanhei todo sofrimento de minha irmã estive ao lado dela e jurei que a vingaria fazendo com que a pessoa prova se do mesmo veneno.

Eu lhe pergunto Marcos e bom, foi bom passar por todos os momentos que lhe levei a passar. Espero que tenha lhe servido para melhora teu caráter toda esta experiência. Não sinto mais nada por você, nem amizade e nem ódio e tão pouco amor, quanto a minha irmã ela esta bem superou deu volta por cima e se tornou uma mulher mais sabia mais forte e prevenida contra as artimanhas do amor. Seja feliz eu nunca estive em tua vida.

Recuperei minha paz depois que recebi aquela carta com as explicações que tanto desejava saber, Cristina foi generosa usou o lado bom de seu coração pensando um pouco no meu emocional,tranqüilizando minha cabeça com sua revelação.

Dois meses se passaram eu consegui um novo emprego minha vida voltou ao normal porem eu com outra cabeça, o coração ainda um pouco arranhado mais pronto para viver um outro grande amor.

 

Jorge Sores / https://palavraspoemas.com


 


 

Caro visitante grato pela visita Se gostou do que encontrou por favor curta e compartilhe outras pessoas podem também gostar.